Pular para o conteúdo principal

meio-dia e MEIO ou meio-dia e MEIA

O almoço será ao meio-dia e MEIO ou meio-dia e MEIA?


Se você acorda às seis e MEIA, sai de casa às sete e MEIA, chega ao trabalho às oito e MEIA, vai tomar um cafezinho às nove e MEIA, volta para trabalhar às dez e MEIA e vai almoçar às onze e MEIA, duas certezas eu tenho: a primeira é que você trabalhou muito pouco e a segunda é que você falou corretamente a manhã inteira.

A dúvida “meio-dia e MEIO ou MEIA” só aparece durante o almoço. Talvez seja a fome! Isso porque, depois da sobremesa, tudo volta ao normal: uma e MEIA, duas e MEIA, três e MEIA etc.

Portanto, não há dúvida alguma. O certo é “meio-dia e MEIA”, porque é “MEIA hora”.

A palavra MEIO, quando significa “metade”, é um numeral fracionário; por isso deve concordar com o substantivo a que se refere. Você come MEIO limão, porque limão é palavra masculina; mas come MEIA laranja, porque laranja é feminina.

Observe mais exemplos: “Bebeu um litro e MEIO de água” (=um litro + MEIO litro); “Bebeu uma garrafa e MEIA de refrigerante” (=uma garrafa + MEIA garrafa).

Assim sendo, quem diz “meio-dia e meio” está falando errado. E pior, algum “espírito de porco” poderia até fazer a seguinte conta maluca: meio-dia é metade do dia + meio (= outra metade) = um dia inteiro. Mas, aí é caso de internação…